quinta-feira, 19 de junho de 2014

Verdades...

"A resiliência é um conceito psicológico emprestado da física, definido como a capacidade de o indivíduo lidar com problemas, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas - choque, estresse etc. - sem entrar em surto psicológico. (...) a resiliência se trata de uma tomada de decisão quando alguém depara com um contexto entre a tensão do ambiente e a vontade de vencer. Essas decisões propiciam forças na pessoa para enfrentar a adversidade."¹


Existem pessoas que têm medo de se revelarem ao mundo, demonstrar suas fraquezas e erros, enfrentar as críticas para viver o que de fato lhes fazem felizes e as tornam melhores. Eu não sou assim, e vou expor o meu lado da história.

Amei um homem, e mentiria se dissesse que ainda não o amo. Com ele cresci, descobri e conheci pessoas e lugares, aprendi que o amor liberta, ensina, que nos faz felizes, mas que também machuca e faz chorar. Senti a dor da traição, o veneno da vingança e a redenção do perdão. Não me envergonho de assumir, que acreditei e ainda acredito em doces palavras. Sei que o seu corpo ainda pede pelo meu, seu coração não o deixa mentir quanto a isso, embora lute contra essa necessidade. Seus atos e palavras ainda me atingem e ferem, mesmo que sem a intenção de fazê-lo.

Fui criticada por expor meus sentimentos, por, de alguma forma, expô-lo ao mundo que nos cerca, mas se eu não escrever sinto que vou adoecer, não me importo de ser mais uma personagem da vida real. Sei que um dia tudo irá se ajeitar, mas enquanto não acontece, apenas transformo em palavras o que outros demonstram através de atitudes destrutivas ou violentas. Escrever me liberta, libera os sentimentos que não devem permanecer dentro de mim.

Mas, vejo que em tudo existe um lado positivo, e tenho aprendido na prática a ser resiliente. Sabe o que significa isso meu bem? Que eu sou capaz de me reinventar a cada dia, e isso devo a você, pois tenho podido provar pra mim mesma que sou capaz de realizar o que eu quiser. Descobri que sou uma sonhadora, uma escritora e uma poetiza, que minha dor e alegria pode vir servir de deleite apenas ou de acalento para quem vive ou viveu o mesmo que estou vivendo.

Tomei como objetivo da minha vida o conselho de uma pessoa que me disse que essa experiência, esse momento da minha vida pelo qual estou atravessando, apenas vai me fazer mais forte e mais madura, e que, daqui a dez anos, quando eu olhar pra trás poderei ver a mulher extraordinária que eu sou.

Não te odeio, apesar de achar que deveria, apenas entendo que nesse momento você precisa ler e meditar nessas palavras.

Um bjo no ombro a quem venha interessar e um forte abraço a tod@s que acompanham o blog e concordam ou discordam das minha humildes palavras.

Por Priscila Messias

___________________________________________________
¹http://pt.wikipedia.org/wiki/Resili%C3%AAncia_(psicologia)
Postar um comentário