segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Saudades de você.

A noite está tão escura,
Tão fria e sombria, e eu aqui sozinha
Com um nó na garganta
Sem sequer conseguir chorar.

Meu corpo precisa do seu, preciso sentir seu calor
Quero suas mãos sobre as minhas
E seus braços me enlaçando
Num abraço de amor.

Meu corpo pede pelo seu
Preciso explodir em você
Sentir cada nervo, contrair cada músculo
Só por você...só com você.

Meu corpo pede seu calor
Minha alma pede amor
Preciso sentir o seu peso sobre mim
E seus olhos colados nos meus.

As lágrimas começam a rolar,
Demonstrando a saudade que sinto
Demonstrando minha fraqueza
Revelando a dor da solidão.
Postar um comentário